A HP lançou um novo desktop nesta segunda-feira, dias após revelar planos de separar ou vender sua unidade de computadores pessoais.

A empresa norte-americana afirmou na quinta-feira passada, 18, que pode separar sua unidade de PCs, a maior do mundo – parte de uma série de medidas que a distanciam do segmento de produtos para o consumidor, incluindo o cancelamento de seu novo tablet.

A HP tem encontrado dificuldades no mercado de PCs – um negócio de margens baixas mas de alta receita – à medida que gadgets como o iPad, da Apple, distanciaram consumidores do seu mercado tradicional.