Após dois anos de altas no resultado trimestral, a LG Electronics teve sua primeira perda.

No último trimestre de 2010, a empresa registrou prejuízo de US$ 229,4 milhões. Um ano antes o resultado fora de US$ 330 milhões.

O quarto trimestre no vermelho, entretanto, foi bem inferior à estimativa de prejuízo de US$ 349 milhões feita por analistas financeiros, de acordo com uma pesquisa do Yonhap Infomax, braço de informações financeiras da agência de notícias sul-coreana Yonhap.

A LG é a segunda maior fabricante de TVs de tela plana, atrás da concorrente sul-coreana Samsung Electronics.

Em celulares, a empresa ocupa a terceira posição no mercado, concorrendo com a finlandesa Nokia e com a Samsung.

Segundo a empresa, as vendas no quarto trimestre avançaram 1,8% para 14,7 trilhões de wons.

A receita da LG no segmento de comunicações móveis, incluindo celulares, caiu 14,7 %. As vendas de celulares aumentaram 8% em relação ao terceiro trimestre de 2010, mas registraram queda de 10% na comparação com igual período de 2009.

A fabricante registrou um recorde trimestral de 8,7 milhões de TVs de tela plana vendidas nos últimos três meses de 2010, em meio a uma demanda tradicionalmente forte no final do ano – 33% superior em relação ao período equivalente de 2009.

Em todo o ano de 2010, o lucro líquido da LG somou US$ 1,14 bilhão apresentando uma queda de 45% na comparação com 2009, enquanto as vendas avançaram 0,1% somando.