A AMD anuncia a retirada de apoio ao teste benchmark SYSmark 2012 (SM2012), que é publicado pela BAPCo (Business Performance Corporation Applications).

Segundo a empresa, além de abandonar o endosso do teste, a empresa deixou de fazer parte da organização BAPCo. Acompanham a AMD as empresas Nvidia  e VIA.

“A tecnologia está evoluindo em um ritmo incrível, e os clientes precisam de medidas claras e confiáveis para entender o desempenho esperado e o valor de seus sistemas”, disse Nigel Dessau, vice-presidente sênior e diretor de marketing da AMD.

Para o executivo, o SM2012 não atinge este objetivo.

Com a mudança, a AMD apenas endossará benchmarks baseados em modelos de computação e aplicativos de software reais e que forneçam informações “úteis e relevantes”.

Em nota, a AMD diz que acredita que os benchmarks devem ser criados para fornecer resultados imparciais e ser transparentes para que os clientes a tomem decisões com base nesses resultados.

Atualmente, a AMD está avaliando alternativas de benchmark, e está até mesmo incentivando a criação de um consórcio da indústria para estabelecer um benchmark franco, para medir o desempenho geral de sistemas.

A AMD pede aos interessados em obter mais detalhes sobre a metodologia de criação e pontuação do benchmark SM2012 que entrem em contato com a BAPCo.