A Reverse, empresa de reciclagem de Novo Hamburgo, adquiriu recentemente a certificação ISO 14001, norma que define os requisitos para estabelecer e operar um sistema de gestão ambiental.

“Possuir um certificado de gerenciamento ambiental significa proporcionar maior segurança às empresas que nos confiam seus resíduos”, comenta Érico Scherer, diretor comercial da Reverse.

A companhia arrecada 6 toneladas mensais de lixo eletrônico, com capacidade de chegar até 20 toneladas. Entre os produtos que têm a maior demanda para a reciclagem estão computadores e monitores CRT.

De acordo com recentes estimativas da ONU, o Brasil é o país emergente com a maior produção de lixo eletrônico, com 2,6 kg por habitante ao ano.

Além disso, o crescimento das vendas de PCs está em alta, com previsões apontando 100 milhões de unidades vendidas em 2012.

Mesmo com a presença de 1.540 empresas certificadas pelo ISO 14.001 no país, somente 2% do e-lixo é descartado corretamente, conforme estudos da Associação Brasileira de Engenharia de Produção, realizados em 2005.

“A Reverse expõe soluções aos que se preocupam com a destinação correta de equipamentos eletrônicos. Hoje, 17% das empresas gaúchas são certificadas ISO na região Sul”, salienta Scherer.

As estatísticas também apontam que o país é o segundo maior gerador de lixo proveniente de celulares. São descartadas 2,2 mil toneladas do material por ano.

“Os celulares em desuso podem ser descartados nas urnas da Reverse, em pontos de coleta na capital ou na região metropolitana”, informa  Scherer.

Assim, a empresa pretende atingir a marca de 99% de reciclagem do total recebido, reduzir os riscos e melhorar o desempenho.

Além disso, a companhia faz parte do banco de resíduos da Fiergs, que visa resolver os problemas do meio ambiente.