A taiwanesa Foxconn deverá instalar outras cinco fábricas no Brasil, além da já anunciada unidade para fabricação de telas de cristal líquido, segundo informação da Folha.com.

O jornal online cita como fonte o secretário de Planejamento e Desenvolvimento do estado de São Paulo, Julio Semeghini.

Segundo ele, as unidades serão destinadas à produção de gabinetes para notebooks e PCs, componentes eletrônicos, conectores, baterias e elementos de mecânica de precisão, empregando cerca de 1 mil colaboradores cada.

O investimento ainda não foi definido, mas conforme o secretário fica na casa de “centenas de milhares de dólares".

Semeghini também afirma que o negócio está em fase de definição do local de instalação das fábricas, com São Paulo e “estados vizinhos” no páreo.

A matéria da Folha pode ser conferida na íntegra pelo link relacionado abaixo.