Apesar de ainda não ser o preferido dos brasileiros nas transações bancárias, o internet banking é a modalidade com maior crescimento, aponta estudo da Febraban.

Segundo a Federação, os bancos online avançam com mais rapidez no mercado, à taxa de 27,4%, e já alcança 23% do conjunto de operações - o caixa eletrônico, canal mais utilizado, teve 31,9% do total em 2010.

“Em quatro a cinco anos o internet banking vai superar os terminais de autoatendimento”, afirmou o diretor de tecnologia da Febraban, Gustavo Rocho, na divullgação do levantamento.

Conforme o site do Valor Econômico, o avanço do número de clientes de mobile banking cresceu 72% em 2010, na comparação com o ano anterior, para 2,2 milhões de pessoas.

Enquanto o autoatendimento avança, o número de agências bancárias e postos de atendimento convencionais estabiliza, com crescimento de apenas 1% em 2010.

No ano passado, finaliza o relatório, foram realizadas 56 bilhões de transações bancárias. No período, houve um aumento de 5,7% no número de contas correntes existentes, que chegou a 141 milhões.