O Netflix está trabalhando numa entrada entrada com força na América Latina, revela o jornal norte-americano Financial Times nessa segunda-feira, 09.

Segundo a publicação, a empresa, que trabalha com a locação de filmes e séries de TV, estaria prestes a anunciar acordos com empresas como a rede Rede Globo para transmissões por streaming online de novelas da transmissora, por exemplo.

Empresas da Argentina, do Chile e do México também estariam na mira do grupo, com sede na Califórnia, Estados Unidos.

O Financial Times cita fontes que seriam próximas das negociações, que disseram que a empresa tem “ambições internacional significativas”, mirando num serviço internacional no longo prazo.

De acordo com a matéria, o Netflix recusou-se a comentar seus planos para a América Latina. As operadoras de TV (Televisa, TV Azteca e Globo) também se negaram a falar sobre o assunto, informa o Financial Times.

Na América do Norte, o Netflix tem 20 milhões de assinantes.

Carona na Internet
O atrativo da América Latina e no Caribe estaria no rápido avanço da internet nas regiões, o que já tem beneficiado empresas como o Google, diz o jornal, que viu os negócios crescerem entre 50% e 100% no ano passado.

Nos Estados Unidos, revela o FT, são 10 mil filmes no serviço Netflix.

Matéria publicada na Folha de S. Paulo em 04 de março desse ano indicava a chegada do Netflix no Brasil em junho. Segundo o jornal brasileiro, executivos da empresa norte-americana teriam passado pelo Brasil onde reuniram-se com parceiros locais a fim de negociar a entrada no país.

Conforme Folha, a Netflix chegará no Brasil apenas com o serviço de streaming.

Entre os parceiros da Netflix, estão como produtoras de filmes e fabricantes de TV com acesso a Internet, disse a Folha de S. Paulo.

Concorrente no Brasil
Uma possível concorrente no Brasil, a Netmovies, foi vendida em dezembro de 2010 pela antiga controladora, a Ideiasnet, ao grupo americano de investimentos Tiger Global Management.

A Netmovies possui um catálogo de 23 mil unidades, além de 3 mil filmes disponíveis para assistir em streaming. Hoje, a Netmovies está presente em sete capitais do sul e sudeste. Uma ampliação para o nordeste está nos planos da companhia brasileira.

Além da Netmovies, a Blockbuster Online também concorre no país, no modelo de aluguel de vídeos em mídias fisicas – DVD e Blu-ray.

Leia a matéria do Financial Times nos links relacionados abaixo.