Alexandre Hohagen

O Google confirmou nesta segunda-feira, 14, a saída de  Alexandre Hohagen da vice-presidência da empresa para a América Latina. O executivo vai para o Facebook, para ser o vice-presidente de vendas da América Latina da empresa.

Hohagen liderará as operações do Facebook na região e estruturará uma equipe para trabalhar diretamente com marcas locais e globais.

Em nota, o Facebook acrescenta que está planejando formar uma equipe local dedicada a dar suporte e ajudar as principais marcas da região a utilizar sua plataforma com sucesso.

“Milhões de pessoas na América Latina estão usando o Facebook diariamente para se conectar e compartilhar experiências com seus amigos e suas famílias, um aspecto muito forte da cultura latino-americana”, disse Hohagen.

Segundo o comunicado oficial do Google, partiu de Hohagen a decisão de se desligar da empresa:

“Alexandre Hohagen decidiu deixar sua posição à frente do Google América Latina. Agradecemos por sua contribuição em estabelecer nossa estrutura de vendas local. O Google está em busca de um novo líder que possa aproveitar ao máximo as grandes oportunidades que a região, marcada pelo incrível crescimento”.

Site de relacionamentos mais acessado do mundo, o FB ainda perde, no Brasil, para o Orkut, que esteve sob a batuta de Hohagen durante parte de seu período de consolidação.

Hohagen estava no Google desde 2005, quando foi designado pela matriz nos Estados Unidos para montar a filial brasileira da empresa.

Tendo passado pela pela farmacêutica Boeringer Ingelheim, banco ABN Amro, portal UOL e o canal de TV a cabo HBO, o executivo se especializou em lidar com pessoas e em publicidade online.

O executivo também ocupou interinamente a presidência do Google Brasil após a saída de Alex Dias, que foi para o Grupo Anhanguera Educacional.

Baixas na alta direção
Não é o primeiro alto executivo que deixa o Google nos últimos meses.

Em setembro de 2010, Alexandre Dias deixou a presidência da subsidiária brasileira, indo atuar como executivo-chefe do grupo educacional Anhanguera, onde entrou como executivo-chefe.

Antes do Google, Dias foi presidente da DirecTV Argentina e Uruguaia nos anos de 2007 e 2008. No mesmo grupo, ele também dirigiu as áreas de vendas e marketing da Sky no Brasil, entre os anos de 2003 e 2005.