Tamanho da fonte: -A+A

O número de mulheres que jogam pelo celular aumentou em 13%, segundo informa um estudo realizado pela Sophia Mind, empresa de pesquisa e inteligência de mercado do Grupo Bolsa de Mulher.

A pesquisa, que foi realizada em julho de 2011, com 2.947 mulheres, brasileiras, entre 18 e 60 anos, apontou que 46% das entrevistadas são usuárias de games mobile, número que, em 2009, correspondia apenas por 34%.

Além disso, na mostra atual, 59% das usuárias jogam, no mínimo, de 2 a 3 vezes por semana. Das entrevistadas, 26% jogam menos de uma vez por semana e 14% são usuárias diárias dos games. Em 2009, esses números eram de 44%, 35% e 14%, respectivamente.

O gosto por jogos não se traduz em compras, já que 34% das usuárias adquirem os jogos por meio de download gratuito, 23% são transferidos pelos amigos e 10% realizam downloads pagos.

Quanto aos lugares preferidos por elas para jogar, as filas e momentos que em aguardam algum atendimento aparecem no topo da lista, com 27%. Do total, 26% afirmaram que não há um lugar específico, 21% preferem jogar em casa, 16% quando estão se deslocando para algum lugar e 3% confirmaram que jogam quando estão no banheiro.

Excluindo os games de redes sociais, que aparecem no estudo com relevância de 55%, 47% responderam que gostam de jogos online, como Buraco, Majong, Mario e Booble Shute.

A pesquisa comprovou que a quantidade de mulheres que jogam pela internet cresceu 13% nos últimos dois anos, passando de 46% para 52%.