A briga pela compra coletiva está em ebulição no Brasil.

Os dois sites considerados maiores do segmento - Clube Urbano Groupon e Peixe Urbano - divulgaram pesquisas de institutos diferentes reivindicando a liderança do mercado brasileiro nos últimos dias.

Groupon - Dobro de vantagem
Divulgado no dia 13, o levantamento do Serasa Experian sobre acessos coloca a filial brasileira da multinacional Groupon com mais do que o dobro de vantagem sobre o segundo colocado (o Peixe Urbano).

No ranking dos cinco primeiros, segundo o Serasa, estão Groupon (0,089% da audiência de internet), Peixe Urbano (0,035%), ClickOn (0,22%), Qpechincha (0,16%), Imperdível (0,0025%), como se pode ver no gráfico abaixo.


Os números, que vão até o dia 9 de outubro, apontam a virada no início de setembro, quando o Groupon saiu do mesmo patamar do Peixe Urbano e iniciou a escalada. Antes disso, o domínio era do Peixe Urbano, site que começou suas atividades no mês de março e que tem base no Rio de Janeiro.

Na comparação entre 4,8 mil sites que compõem o varejo digital, os dados colocam o Groupon na quarta posição geral do e-commerce brasileiro.

Peixe Urbano - O tubarão do aquário
Evitando a comparação com a concorrência no mesmo segmento, o Peixe Urbano divulgou nesta segunda-feira, dia 18, os números do Ibope Nielsen, referentes a setembro.

Segundo o instituto, 60% das 4,5 milhões de pessoas que acessaram sites de compra no Brasil passaram pelo Peixe Urbano.

Além dos números do Ibope, o Peixe reivindica para si o maior número de buscas no Google quando o assunto é compra coletiva.

Mercado promissor
Por enquanto, audiência é o único parâmetro para a liderança, já que nenhum dos sites revela números de faturamento.

Levantamento feito pelo Baguete Diário com base nas ofertas vendidas no início de outubro, quando o Groupon se projetava, mostrava a vantagem contrária para o Peixe. Enquanto o Groupon tinha faturado R$ 11,3 milhões, o Peixe Urbano somava R$ 23,1 milhões.

Há quatro meses no Brasil, o Groupon é o pioneiro mundial nas compras coletivas, tendo iniciado suas atividades nos Estados Unidos, em 2008. O site lidera na maioria dos mercados em que atua.

Em entrevista publicada no Baguete Diário na última quarta-feira, 13, Daniel Funis, diretor de marketing do Groupon Clube Urbano, deixou claro que o site entrou no mercado brasileiro de olho na liderança antes reconhecida como do Peixe Urbano por outros players do mercado (você lê a entrevista nas matérias relacionadas abaixo).

Segundo o Groupon, o setor deverá movimentar mais de R$ 300 milhões por ano no mercado brasileiro. O Ibope apontou um crescimento de 25% nas visitas a sites do gênero entre agosto e setembro.

Comprovando a prosperidade do setor o Grupo RBS – dona do jornal Zero Hora e retransmissora da Rede Globo no RS e em SC – também está buscando espaço entre os consumidores de ofertas online, com a promessa de usar sua presença nas mídias tradicionais para alavancar o negócio.