O Santos Brasil, maior terminal de contêineres da América do Sul, instalado na região portuária do Guarujá, investiu US$ 100 mil em um novo sistema de rede sem fio, informa o ComputerWorld.

A empresa adotou ferramentas da fabricante de equipamentos de rede Aruba, implantadas pela Synergy.

Antes do projeto, a Santos Brasil usava uma tecnologia instável, que propiciava a existência de áreas de sombra e atrasava o andamento das atividades da companhia.

“Os caminhões que circulam na área e dependem da conexão para receber instruções de operação não conseguiam trocar de ponto de acesso sem perder contato”, afirmou Ricardo Abbruzzini Filho, gerente de TI da Santos Brasil, em entrevista ao ComputerWorld.

O gerenciamento descentralizado também era um problema. Cada ponto de acesso tinha seu próprio console, o que dificultava uma visão geral da rede.

Para a implantação da nova estrutura wi-fi foram necessários quatro meses de trabalho. Foram instalados pontos de acesso modelo AP-85, resistentes a fenômenos naturais, intercalados em duas frequências diferentes, para não sofrerem interferências.

A companhia também adotou um firewall capaz de bloquear sinais e uma ferramenta de monitoramento que faz controle proativo das atividades na rede, que é gerenciada por dois controladores Aruba 3400, ligados a um dispositivo no CPD da empresa.

“O ambiente enxerga todos os sinais, a qualidade, a cobertura, identifica problemas e faz um gráfico em tempo real do que está acontecendo”, contou Abbruzzini Filho ao portal.

Agora, a Santos Brasil planeja a expansão do projeto, que deverá ser implementado, futuramente, também nas operações Mesquita (Santos e São Bernardo do Campo-SP) e Union (Imbituba-SC).