A companhia de investimentos espanhola IG Expansión reservou US$ 32,8 milhões para quatro novas empresas brasileiras nos próximos três anos.

Segundo o jornal Valor Econômico, a previsão é de que dois projetos sejam lançados ainda neste semestre.

“O Brasil é a principal aposta, visto que o mercado europeu não oferece um cenário favorável para investimentos de alto risco”, afirma Carlos Martín, sócio-diretor da IG Expansión.

O executivo diz que já selecionou uma equipe para abrir, em março, uma empresa de comércio eletrônico de moda feminina. No segundo semestre está prevista a criação de outra empresa na área de internet. A meta é abrir duas empresas a cada 18 meses.

A estratégia da empresa é eleger um empreendedor para abrir uma empresa e tocar um projeto definido.

Os aportes variam de US$ 3 milhões a US$ 5 milhões e são destinados à abertura da empresa. Ao mesmo tempo, a IG Expansión busca outros sócios-investidores para levar adiante o negócio.

Os principais parceiros nesses empreendimentos são as empresas do Vale do Silício Accel Partners, Redpoint Ventures e Flybridge Capital Partners.

Fundada em 2004, a IG Expansión registrou um faturamento de US$ 100 milhões em 2011, mas o lucro não é revelado.

Leia a matéria do Valor Econômico nos links relacionados abaixo.