Ações da Dell passarão a ser negociadas na Bovespa a partir da próxima terça-feira, 07.

Os papéis serão emitidos pelo Citibank, por meio dos chamadas BDRs - Nível I não patrocinadas, que são certificados representativos de valores mobiliários emitidos por companhias abertas do exterior.

O Citi é responsável pela emissão de outro lote de dez BDRs não patrocinadas, desde 2010.

O programa também inclui as empresas Amgen, Ford Motors, Halliburton, Linkedin, Netflix, Philip Morris, Qualcomm e Verizon Communications.

De acordo com a BM&F-Bovespa, BDRs podem ser negociados por instituições financeiras, fundos de investimento, administradores de carteira e consultores de valores mobiliários autorizados pela CVM.

Pessoas físicas ou jurídicas também podem negociar, desde que possuam investimentos financeiros em valor superior a R$ 1 milhão.

Demais pessoas físicas, com investimentos financeiros em valor inferior a R$ 1 milhão só podem participar dessa modalidade de aporte por meio de fundos.

Papéis em BDRs Nível I chegaram à Bovespa em abril de 2010, quando Apple, Google, Bank of America Corporation, ArcelorMittal, Goldman Sachs, Billiton Limited Common, Wal-Mart Stores, Exxon Mobil Corporation, McDonald's e Pfizer foram as escolhidas pelo Deutsche Bank para negociação de papéis.