Representantes de seis empresas de TI da região espanhola da Andaluzia desembarcaram em Porto Alegre nesta quarta-feira, 06, em uma missão que promete aquecer os negócios entre as companhias gaúchas de software e o mercado europeu

O destaque do grupo é a Sadiel, especializada em consultoria de TI com faturamento superior a € 184 milhões no último exercício.

Na missão, a empresa vem com objetivo de firmar parcerias com empresas gaúchas de grande e médio porte, além de contatar potenciais clientes, segundo divulga Reges Bronzatti, presidente da Assespro-RS, organizadora da missão.

“Este intercâmbio cria oportunidades recíprocas de negócios com empresas do mesmo segmento e que possam ser complementares em suas ofertas", ressalta o gestor. “A meta é abrir o mercado para que nossas empresas exportem software e serviços e, em contrapartida, criem parcerias no Brasil para trazer produtos alinhados com fornecedores locais”, completa.

As demais componentes do grupo espanhol são Novasoft, fornecedora de hardware, exploração de sistemas, desenvolvimento e consultoria; MPSistemas, que trabalha com soluções de gestão comercial;  CDTEC, de desenvolvimento sob medida de produtos open source e design de imagem corporativa; Nebro Mellado & Consultores, que atua em serviços de TIC; e Icinetic, focada em automatização para geração de aplicações web de gestão.

A agenda prevê encontros com autoridades governamentais, com o propósito de conhecer as políticas do Rio Grande do Sul para o estabelecimento de alianças estratégicas com empresas espanholas.

Desta reunião, participam representantes da Secretaria de Ciência, Inovação e Tecnologia (SCIT), Banrisul e Procergs.

Também estão agendados encontros com dirigentes de entidades como Softsul, Seprorgs e a própria Assespro-RS, além de rodadas de negócios com empresários, como a que ocorre na quinta-feira, 07, no Tecnosinos.

Conforme Bronzatti, a ideia do encontro é não só abrir novas portas para a indústria gaúcha de TI, como também reforçar laços já iniciados em 2009 e 2010, quando missões levaram representantes de empresas do estado à Espanha.

Nestas ocasiões, 30 empresários brasileiros de TI estavam presentes, sendo pelo menos 10 do Rio Grande do Sul.

“Agora, as rodadas de negócios que serão realizadas em Porto Alegre e São Leopoldo terão a participação de mais de 15 empresas com interesse em fechar acordos voltados à atuação no país europeu”, finaliza Bronzatti.

A Andaluzia fica ao sul da Espanha e tem entre suas maiores cidades Sevilha e Málaga. Os espanhóis têm bons motivos para buscar investimentos no Brasil. Em 2010, o PIB do país recuou 0,1% em meio a uma crescente crise econômica, enquanto que o brasileiro avançou 7,5%.