Estudo sobre o mercado de tecnologia da informação, realizado pelo IDC e divulgado nesta quinta-feira, 9, durante evento promovido pela Assespro-RS, apontou que a região sul do Brasil é a segunda maior em termos de investimentos no setor, concentrando 12,6% dos investimentos.

De acordo com o levantamento, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná compõem um “polo fértil em termos de pesquisa e desenvolvimento, startups e fornecimento de TI para demais regiões”.

Entretanto, o número ainda é baixo, se comparado com a região sudeste do país, que agrega 65% dos investimentos nacionais.

Segundo Samuel Carvalho, gerente de contas do IDC, entre os estados brasileiros, o Rio Grande do Sul é o quinto maior em relação à compra de tecnologia, ficando atrás de São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Minas Gerais.

Atualmente, o Brasil é o sexto mercado de TI e o quarto maior de telecomunicação.

O estudo apresentou ainda as tendências do mercado para os próximos dez anos.

Conforme explica Carlos Calegari, analista sênior da companhia, este é o ano da terceira plataforma, onde a mobilidade, aplicativos corporativos, redes de alta velocidade, social business e cloud computing dominam o setor de tecnologia da informação para, posteriormente, agregarem maior valor aos usuários finais e corporativos.

“Cerca de 400 milhões de dispositivos móveis e 1,3 milhão de aplicativos serão vendidos a partir de 2011”, comenta Calegari.

No mundo, o IDC estima um crescimento de 5,1% para o setor, alcançando US$ 3,6 trilhões para este ano.