A francesa Sodexo acaba de comprar a gaúcha Puras, em uma transação no valor de R$ 1,2 bilhão que faz da companhia a líder do setor brasileiro de refeições coletivas.

A Puras era, até agora, a segunda maior companhia do setor no Brasil, com vendas de mais de R$ 1,26 bilhão por ano, atrás apenas da GRSA, pertencente ao grupo inglês Compass, que vende em torno de R$ 1,6 bilhão/ano no país.

Agora juntas, Sodexo e Puras somam uma receita bruta de R$ 2 bilhões.

Com a transação, o presidente e fundador da Puras, Hermes Gazzola, vai permanecer no negócio, assumindo a presidência do Conselho de

Administração da divisão de Serviços On-Site da Sodexo no Brasil.

A divisão é especialidade da Puras desde 1980 e compreende a gestão de refeitórios, fornecimento de refeições e prestação de serviços de higiene e limpeza para o mercado corporativo.

Em 2002, a Puras lançou a subsidiária Infrall, focada só na área de higiene e limpeza.

Desde sua fundação, a Puras cresceu a uma média de 10% a 15% ao ano e, para 2011, a previsão é chegar a um faturamento de pelo menos R$ 1,3 bilhão.

No Brasil, a Sodexo administra um negócio de soluções On-Site, onde agora encaixa a Puras, e outro de benefícios corporativos, como vale-refeição, no qual atua desde que adquiriu, em 2007, a VR, em uma transação de R$ 1 bilhão.