O PayPal no Brasil fechou acordo com a Empresa de Correios e Telégrafos (ECT).

Segundo o jornal Valor Econômico, a iniciativa visa a atender lojas virtuais de pequeno porte e tentar ampliar a rede de clientes PayPal no país, atualmente estimada em 30 mil varejistas.

De acordo com o presidente da empresa no Brasil, Mario Mello, a meta da empresa é atingir mais de 50 mil clientes com esse serviço. Mello estima que o mercado de lojas virtuais no Brasil varie entre 250 mil e 300 mil.

PayPal e Correios lançaram um serviço de frete, que foi implementado pela Fast Solutions, agência franqueada da ECT, diz o Valor.

O serviço permite ao pequeno empresário – que efetua até mil entregas por mês – que tem conta no PayPal obter descontos de 30% no serviço de Sedex.

“Com o desconto, essas lojas virtuais passam a ter o mesmo custo de distribuição das grandes redes, o que pode tornar a sua operação mais competitiva”, disse Mello ao jornal.

O PayPal abriu sua subsidiária no Brasil em maio de 2010 e, desde então, tem feito parcerias com grandes empresas para acelerar seu processo de crescimento no país. Os primeiros acordos foram fechados com as empresas de hospedagem de sites Locaweb e Terra.

Leia a matéria completa do Valor Econômico (para assinantes) nos links relacionados abaixo.