Tarso recebeu executivo da Samsung no Palácio Piratini

Em visita a Porto Alegre nessa quarta-feira, 13, o vice-presidente de Novos Negócios da Samsung, Benjamin Sicsú, disse que a empresa está buscando lugares no Brasil para novos investimentos na indústria naval.

Segundo o jornal Zero Hora, o executivo mostrou entusiasmo com a possibilidade de investir no estado, mas não há nenhuma proposta concreta em negociação.

A reunião, serviu para fortalecer um movimento de aproximação, iniciado em 2009, entre a empresa e o estado.

O contato deverá ser estreitado entre maio e junho próximos, quando o governador Tarso Genro fará um roteiro de uma semana pela Coreia do Sul, sede da multinacional.

– Já temos um bom investimento naval em Pernambuco, mas a demanda do Brasil indica que podemos ter mais de um polo de fabricação – disse o executivo.

Rio Grande pode aproveitar?
Reaceso pelos investimentos de cerca de US$ 10 bilhões da Petrobrás na cidade, o município de Rio Grande, na zona sul do estado, é um candidato. Atualmente, a cidade pleiteia junto ao governo do estado um aporte para desenvolvimento do projeto de um parque tecnológico na região.

A ideia é promover o desenvolvimento sustentável, atraindo novas empresas.

Localizado a 311 quilômetros de Porto Alegre, o município de Rio Grande tem mais de 197 mil habitantes e Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 5,4 milhões.

Não foi apontada nenhuma região do Rio Grande do Sul especificamente pelo executivo da Samsung na sua passagem pelo estado.

Em 2003, a Samsung tinha 300 funcionários no Brasil e um faturamento de US$ 300 milhões. No ano passado, saltou para US$ 5 bilhões e 8 mil empregados.