O Sindpd, sindicato de profissionais de tecnologia paulista, está pedindo na negociação da convenção coletiva com o Seprosp o pagamento de participação de resultados obrigatória em 2011.
 
O PLR (Participação em Lucros e Resultados) seria de  80% do salário mais parcela fixa de R$ 200. Além disso, o sindicato pede ainda reajuste de 13,41% nos salários.
 
“Esse índice se equipara ao que outras categorias conquistaram ao longo do ano e é um bom parâmetro para o aumento porque é o resultado da soma da inflação com a variação do PIB desse ano, além disso, é um valor próximo à média de quanto as empresas do setor cresceram," afirma Antonio Neto, presidente do Sindpd.
 
Será também reivindicado o pagamento de auxílio-refeição para todos os trabalhadores e o aumento do valor da hora-extra e adicional noturno. Também serão negociados aumentos para os pisos já existentes e a criação de novos pisos para classe.