Pesquisa realizada pela consultoria de recrutamento de executivos Asap, a pedido do jornal Folha de S. Paulo, revela que 80% dos profissionais com salários entre R$ 6 mil e R$ 15 mil receberam propostas para mudar de emprego nos últimos 12 meses.

Foram ouvidos 1.934 profissionais. Convites recebidos pela própria Asap foram desconsiderados.

De acordo com o jornal, apesar do alto número de ofertas, apenas 24,5% dos profissionais aceitaram trocar de empresa.

Parte do baixo êxito na caça de talentos se dá pelos esforços das empresas em manter a prata da casa.

Quatro em cada dez entrevistados, relata a matéria, dizem ter recebido aumento salarial superior a 30% nos últimos três anos, independentemente de terem trocado de emprego.

No período, a inflação acumulada foi de 17%.

Tendência em queda?
Outro estudo, realizado pela Ricardo Xavier Recursos Humanos todos os meses, no entanto, aponta para a criação de 2.197 novas vagas no mercado de trabalho, uma queda de quase 22% em relação a maio.

Ou seja, as ofertas estão encolhendo para os executivos.

A pesquisa do Ricardo Xavier Recursos Humanos não incluía informações sobre as remunerações das vagas pesquisadas.

Leia a matéria completa da Foha de S. Paulo online nos links relacionados abaixo.