O Arranjo Produtivo Local (APL) de TI de Londrina e Região é o primeiro do país a lançar uma central de negócios do setor.

Reunindo 11 empresas de pequeno porte, a Central de Inovação, Desenvolvimento e Negócios Tecnológicos (Cintec) segue metodologia desenvolvida pelo Sebrae Nacional e já iniciou os trabalhos, atuando em questões relativas ao grupo de companhias – a primeira delas foi a redução de custo em negociações conjuntas para contratação coletiva de serviços de vale-alimentação e de convênios médico e odontológico.

Conforme o consultor do Sebrae-PR em Londrina, Joel Franzim Junior, que acompanha os empresários do setor desde a formalização do APL, a Cintec foi idealizada para aumentar a competitividade das empresas participantes, além de ampliar o acesso a mercados nacionais e exteriores.

Atualmente, a Cintec reúne as companhias Arandu Sistemas, Audare Informática, CDS, Consystem Consultoria, E M Moraes – Erakis Tecnologia em Sistemas, Forlogic Software, GELT Tecnologia e Sistemas, Guenka Desenvolvimento de Software, Infoecia Desenvolvimento de Sistemas, Lidaweb Tecnologia e Sistemas e Softcenter Sistemas e Informática.

A estimativa da soma de faturamento das empresas associadas é R$ 20 milhões.