IBM assume back office da SulAmérica

27/05/2010 13:48

A SulAmérica vai terceirizar os processos operacionais de sua unidade de negócios de seguros de pessoas e previdência com a IBM.

O contrato, de aproximadamente R$ 400 milhões, terá duração de 12 anos, e prevê que a multinacional fique responsável pelas atividades de back office da unidade, o que inclui os processos de emissão de apólices, manutenção de cadastros, gestão de documentos, regulação de sinistros e pagamento de resgates.

Tamanho da fonte: -A+A

A SulAmérica vai terceirizar os processos operacionais de sua unidade de negócios de seguros de pessoas e previdência com a IBM.

O contrato, de aproximadamente R$ 400 milhões, terá duração de 12 anos, e prevê que a multinacional fique responsável pelas atividades de back office da unidade, o que inclui os processos de emissão de apólices, manutenção de cadastros, gestão de documentos, regulação de sinistros e pagamento de resgates.

O acordo prevê ainda a terceirização das atividades de infraestrutura de tecnologia da informação, a manutenção dos sistemas e a construção de um centro de serviços dedicado. A divisão de consultoria da IBM Brasil dará suporte aos aplicativos atuais e contratará os profissionais atualmente alocados nessa operação da seguradora.

“Através desse contrato, a SulAmérica espera atingir uma importante economia de custos já a partir do primeiro ano da terceirização”, explica Renato Russo, vice-presidente de Vida e Previdência da SulAmérica, que possui hoje 1,8 milhão de associados.

A IBM desenvolverá uma nova plataforma para processamento de operações de seguro de Pessoas e Previdência para o mercado brasileiro, juntamente com o parceiro paulista Control Consultoria.

“Este é um projeto inédito na América Latina. Pela primeira vez, uma seguradora terceiriza atividades relacionadas diretamente ao negócio com essa abrangência”, avalia Eduardo Bandeira de Mello Joia, Vice-Presidente de Negócios Estratégicos da IBM Brasil.

As duas empresas mantêm relacionamento desde 2005, quando a SulAmérica contratou a IBM Brasil para gerenciar sua infraestrutura de TI. A empresa foi, na época, a primeira seguradora na América Latina a fechar um contrato com esta abrangência e complexidade.

A IBM administra atualmente US$ 5 bilhões em ativos por meio de contratos de terceirização de processos em Seguros nos EUA, Canadá e India.

Estratégia de fusões
O contrato assinado com a IBM deve facilitar a estratégia de fusões da SulAmérica, que recentemente comprou os 49,92% da participação do Banco do Brasil na Brasilsaúde por R$ 28,4 milhões.

Em teleconferência com jornalistas, Arthur Farme, diretor de relações com investidores da SulAmérica, afirmou que a seguradora aproveitará a atual liquidez do caixa, no qual estão um bilhão de reais, para estudar aquisições de concorrentes.
 

Veja também

IBM busca parceiros no Mesas Redondas

O programa de parceiros da IBM será o tema do Mesas Redondas do Seprorgs desta sexta-feira, 28.

A reunião almoço acontece das 12h às 14h no Hotel Deville em Porto Alegre e terá a presença da diretora de Expansão Geográfica no Brasil da IBM, Priscilla Bessegio, e do gerente de Canais para o RS e SC, Glaycon Braga.

Sicredi: outsourcing com Accenture e IBM

O Sicredi assinou nesta quarta-feira, 11, um contrato de outsourcing de aplicativos de TI com Accenture e a IBM.

Em linhas gerais, o acordo de entrega divide meio a meio o desenvolvimento de sistemas: crédito e cartões para a Accenture e investimento e canais para a IBM.

Americanos compram 54% da Tivit

O fundo private equity americano Apax Partners comprou 54,25% das ações da Tivit, naquele que é seu primeiro negócio no país.

Cada ação foi comprada por R$ 18,10 em dinheiro, cifra que representa um prêmio de 21,39% sobre a média da cotação do papel nos pregões anteriores desde a data da abertura de capital, em setembro do ano passado. O negócio deve movimentar cerca de R$ 874 milhões.

Brasileiro é novo CEO mundial da Atento

A Atento, especializada em Contact Center e BPO - Business Process Outsourcing do grupo Telefônica, nomeou o brasileiro Agnaldo Calbucci como novo presidente mundial.

A princípio, o executivo também acumula a função de presidente da unidade de negócios da Atento no Brasil, ainda sem sucessor definido. A decisão foi tomada na quinta-feira, 29.

BPO: TCI abre unidades em SP, AL e CE
A TCI, empresa outsourcing de processos de negócios (BPO, na sigla em inglês) abriu unidades em Barueri, Maceió e Fortaleza.

Junto com as unidades do Rio de Janeiro e Brasília, os novos pontos devem gerar 1 mil novas contrações.

Com as inaugurações, a empresa passa a ter 18 unidades, operando em dez Estados e no Distrito Federal, focadas em gestão de documentos, logística e higienização de têxteis.
SulAmérica: interatividade via smartphones
A SulAmérica Seguros e Previdência acaba de criar um canal de relacionamento com os clientes via smartphones.

O novo aplicativo permite acesso a informações como endereço e telefone da rede referenciada do plano de saúde, além de localização dos C.A.S.A.s (Centros Automotivos de Super Atendimento), oficinas credenciadas, postos de vistoria e estacionamentos.
SulAmérica vai de Crivo para cobrar menos
A SulAmérica Seguros e Previdência implantou um software da Crivo para análise de crédito. Utilizando a solução há um ano, a companhia definiu o perfil pagador de seus clientes de seguro de automóveis, desenhando um credit score que, logo nos primeiros meses, elevou de 10 mil para 200 mil o número de cotações online realizadas pela empresa.
Direkt qualifica dados da SulAmérica
A SulAmérica, operadora de planos de saúde, contratou a Direkt para qualificar as informações do seu banco de dados.

O projeto teve início em agosto deste ano, quando a companhia abriu uma concorrência para qualificação dos telefones de seu banco de dados, visando otimizar o contato com os clientes nas campanhas de satisfação.