A Mastercard fechou uma parceria com o Banrisul para distribuição de cartões para clientes considerados de alta renda, com salário acima de R$ 7 mil mensais, informa o DCI.

A aposta tem a ver com o crescimento exponencial da região Sul no mercado de cartões: em 2011, enquanto o faturamento desta área cresceu 23% no país, ficando em R$ 668,449 bilhões, no Sul esta expansão foi de 24%, indo a R$ 73,170 bilhões.

Os dados são da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), e também indicam que, apesar desta expansão nos cartões, ainda predomina na região o uso de cheque ou dinheiro.

O que, na opinião do vice-presidente Comercial da Mastercard, João Pedro Paro, só anima: para ele, esta predominância faz ver um mercado de potencial crescimento para os cartões.

“O crescimento do mercado no Sul do país está um pouco acima do restante do Brasil, porque estava menos penetrado por cartões”, avalia o VP.

Conforme Paro, 10% da população brasileira possui renda superior a R$ 7 mil mensais, sendo responsável por um terço do consumo, e o índice é similar no Sul.

E neste quadro, o executivo vê o Banrisul como o parceiro ideal.

“É o líder do sistema bancário no Rio Grande do Sul, com 35% de participação de market share, e possui a maior rede de agências e cobertura na Região Sul”, destaca o VP.

Em 2011, o Banrisul registrou lucro líquido de R$ 904 milhões, crescimento de 22% ante 2010.

A rede de agências, que hoje soma 442 no Rio Grande do Sul e 25 em Santa Catarina, deve aumentar em 50 unidades este ano.

Já a base de cartões de crédito nas bandeiras Visa e Mastercard encerrou o último ano com alta de 38,31% na comparação com o final de 2010, somando 424,519 mil unidades, com movimentação geral de R$ 1 bilhão em 14 milhões de transações.

O diretor Comercial do Banrisul, Jone Pfeiffer, avalia que a base ainda é pequena, pois durante muito tempo o foco do banco estava no desenvolvimento da bandeira própria, o Banricompras.

Entretanto, segundo ele, houve maior demanda pelas demais bandeiras, o que foi um motivador para a parceria com a Mastercard.

Hoje, o banco já atua com a multinacional com o cartão Banrisul Mastercard Platinum, voltado a clientes da linha Gold.

Com a nova aliança, a meta, segundo Pfeiffer, é atender de 80 mil a 100 mil clientes da base total, que soma cerca de 3,2 milhões, nos próximos meses.

No cartão para alta renda, a anuidade será de R$ 280, com isenção de pagamento no primeiro ano.

Além disso, haverá oferta de um cartão adicional gratuito para novos clientes.

A matéria do DCI pode ser conferida na íntegra pelo link relacionado abaixo.