A economia da cidade gaúcha de Caxias do Sul cresceu acima do Brasil e do Rio Grande do Sul em 2011, com 6% de avanço sobre 2010.

Cálculos do Ipea situam o avanço do PIB brasileiro em 3%. Já no estado, a alta foi de 5,7%, segundo dados da Fundação de Economia e Estatística.

Em Caxias do Sul, o setor de serviços foi o que mais se destacou, com um crescimento acumulado de 10,6 no ano passado. O comércio cresceu 6,5%, enquanto a indústria teve alta de 3,2%.

As informações são da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC).

O ano de 2011 se encerrou com um total de 178.954 postos de trabalho em Caxias do Sul, com a geração de 7.482 novas vagas, 4,36% a mais do que em 2010.

Outro dado apresentado pela CIC foi o desempenho das exportações e importações do município. As exportações seguiram crescendo.

Em 2011, Caxias do Sul registrou um crescimento de 18,7% nas vendas para o mercado externo, enquanto as importações apresentaram o índice de 7,5%. Os dados apontam que 2011 foi o melhor ano para as importações e segundo melhor ano para as exportações caxienses, perdendo para 2008.

Os principais destinos das exportações caxienses são Argentina (17,5%), Chile (14,7%), Estados Unidos (10,4%), Holanda (5,5%), Peru (5,4%), México (4,8), Paraguai (4,7%), Uruguai (4,3%).

Os principais países de origem das importações foram China (22%), Itália (16%), Estados Unidos (14%), Alemanha (6%), Argentina (6%), Japão (4%), México (4%) e Taiwan (4%).Economia de Caxias cresce 6% em 2011