O Santander acaba de se tornar o primeiro banco do país a aderir oficialmente à cloud computing.

A IBM Brasil vai realizar para o banco um projeto piloto de serviços de IaaS e PaaSl, em uma implementação que contará com parceria da Produban, empresa pertencente ao mesmo grupo da instituição financeira espanhola para provimento de infraestrutura de TI e processamento de dados.

O projeto iniciou em agosto do ano passado, com a primeira fase encerrada em um mês.

A etapa compreendeu o desenvolvimento de um ambiente com processos padronizados voltados para testes de aplicações.

Uma segunda fase, agora em andamento, foca a identificação de projetos elegíveis para homologação e produção, para efetiva adoção da plataforma PowerPseries, da IBM.

A fase conclusiva do projeto, prevista para encerrar em meados de 2012, vai envolver ambientes legados elegíveis para o modelo de cloud para a migração.

IBM e Produban também vão desenvolver um processo padronizado de projetos para explorar outros modelos na nuvem,entre eles, desktop, storage e redes, informa o UOL.

O trabalho prevê também que IBM e Produban atendam, em nuvem, inicialmente, 150 desenvolvedores, todos do Brasil.

A ideia é atender, no total, 1,5 mil profissionais.

Conforme Carlos Alberto Pinheiro, superintendente de Desenho de Serviços e Arquitetura da Produban, o maior ganho com o projeto será a redução do tempo de espera por infraestrutura.

“Isto é essencial para que possamos ter agilidade no lançamento de produtos bancários", afirma o executivo.