Arlindo Maluli, diretor de Engenharia de Vendas da WMvare na América Latina

A VMware quer levar a virtualização para novas fronteiras, disponibilizando a tecnologia para os usuários na palma da mão, criando múltiplos celulares em um aparelho, ou a um click, por meio de portais nos quais será possível escolher serviços virtualizados como num buffet a quilo.

 
Essas foram as principais revelações sobre o futuro da tecnologia da empresa feitas por Arlindo Maluli, diretor de Engenharia de Vendas da VMware na América Latina, durante a abertura do Virtualization Fórum 2010, que acontece nesta terça-feira, 03, em São Paulo.
 
Maluli não dá datas para o lançamento comercial das novidades, atualmente ainda em fase de pesquisa nos laboratórios da multinacional, mas a que parece mais próxima de se concretizar são os “buffets de serviços virtualizados” para clientes externos, dentro do conceito de nuvem pública, e internos, em um oferta tipo nuvem privada.
 
“Hoje o cliente faz um pedido para a área de TI, que libera 10 máquinas virtualizadas para um teste de aplicativo”, explica Maluli. “O que nós queremos oferecer é a integração final, o último passo para executar o conceito de TI como serviço”, completa o executivo.
 
Já a ideia de oferecer celulares virtualizados dentro de um aparelho, fazendo com que seja possível acessar aplicativos e serviços de um iPhone em um Blackberry, por exemplo, esbarra em obstáculos, como a política das grandes fabricantes de atrelar hardware e sistema operacional dos telefones portáteis em uma pacote indivisível.
 
“É claro que uma oferta desse tipo depende da adesão das fabricantes, com as quais a VMware está negociando”, admite Maluli, sem dar maiores detalhes sobre quem são os interlocutores ou o andamento das conversas. 
 
Apesar da previsível dificuldade em convencer gigantes como Apple, RIM e Nokia a mudarem seus modelos de negócios, Maluli aparenta confiança. “É uma conversa parecida com a que tivemos com Dell, IBM e HP no mercado de servidores, 10 anos atrás”, argumenta.
 
* Maurício Renner participou do Virtualization Forum 2010 à convite da VMware