A Cast, sediada em São Paulo e especializada em soluções de BI, ECM, serviços de TI, outsourcing e BPM, anuncia investimentos perto de R$ 10 milhões na abertura de uma filial em Belo Horizonte e outra no s EUA.

A estratégia faz parte de um plano de expansão mais amplo: a companhia, que tem crescido acima de 130% nos últimos cinco anos, redesenhou sua estrutura em 2010, com vistas a expandir três vezes a taxa prevista para o mercado de TI até 2018.

“Buscamos ser a maior fornecedora de soluções tecnológicas para o governo, com 20% de market share, e top 5 no mercado privado nacional. E estimamos que 20% da receita total será de atuação internacional”, afirma Susana de Paula Taboas, diretora de Apoio à Gestão da Cast.

Para tanto, a companhia, que já atendia a clientes do exterior a partir das operações brasileiras, que também se espalham por Rio de Janeiro, Brasília e Araraquara, agora emprega cerca de 30 funcionários nos EUA.

Os R$ 10 milhões destinados à expansão também preveem a abertura, em outros países, de plataformas de venda de produtos desenvolvidos no Brasil.

“Nossa projeção de expansão é bastante agressiva, por meio de crescimento orgânico e inorgânico, e estamos nos preparando para isso”, ressalta Susana.

Conforme a executiva, o planejamento estratégico do empresa, realizado em parceria com o Monitor Group, começou com a transferência da sede de Brasília para São Paulo, no início do ano passado.

Além disso, foram criadas duas novas diretorias: a de Apoio à Gestão, responsável pela implementação de processos formais de governança e de gestão financeira e organizacional; e a de Assuntos Estratégicos, voltada ao alinhamento entre PE, inteligência de mercado, qualidade corporativa e fusões/aquisições.

A estratégia da Cast contempla, ainda, a criação de duas novas verticais para prospectar e cuidar de projetos no setor privado: Finanças e Indústria & Serviços.

Mudanças que já mostram resultados. Só com a área de Finanças, segundo Susana, a meta é crescer 50% este ano.

A Cast tem certificados CMMI nível 3, MPS.BR nível C e ISO 9001:2008.

A carteira de clientes reúne mais de 30 ativos, entre os quais órgãos do governo e empresas públicas e privadas como Banco Central, Serpro, Banco do Brasil, Petrobras, Novartis, EMS e Localiza Rent a Car, entre outros.