A Stefanini ampliou o atendimento internacional ao HSBC, passando a atender a operação do banco também na Argentina.

O banco holandês já é atendido por 200 profissionais da empresa paulista no México e por outros 50 na sua sede na América do Sul, localizada em Curitiba.

No final de março, a Stefanini abriu uma fábrica de software na capital paranaense, cujo primeiro grande cliente é o HSBC.

A unidade funcionará junto à filial paranaense da companhia e inicia operações com cerca de 30 colaboradores, número que deve triplicar até o final do primeiro semestre. O local pode receber até 200 funcionários.

A meta da fábrica é atender o banco e ampliar a penetração em Santa Catarina e Paraná com serviços de mainframe, cliente-servidor, plataforma baixa, web e testes.