FUSÃO

Sonda compra Pars por R$ 94,7 milhões

09/03/2012 10:40

A Sonda acaba de adquirir a Pars, brasileira especializada em software para engenharia, arquitetura, design 2D e 3D e sistemas de informações geográficas, por R$ 94,7 milhões.
 

É a sétima compra da Sonda desde 2010, a quarta delas no Brasil, em uma estratégia anunciada com plano de investimentos de US$ 500 milhões na América Latina no triênio 2010-2012.
 

Luiz Carlos Felippe, membro do Conselho de Administração da Sonda América Latina

Tamanho da fonte: -A+A

A Sonda acaba de adquirir a Pars, brasileira especializada em software para engenharia, arquitetura, design 2D e 3D e sistemas de informações geográficas, por R$ 94,7 milhões.
 

É a sétima compra da Sonda desde 2010, a quarta delas no Brasil, em uma estratégia anunciada com plano de investimentos de US$ 500 milhões na América Latina no triênio 2010-2012.
 

Conforme divulgado pela companhia, o valor do investimento na Pars ainda poderá ser incrementado em função dos resultados apresentados pela empresa, que tem escritórios no Rio de Janeiro e São Paulo, neste ano e no próximo.
 

A Pars encerrou 2011 com receita líquida de R$ 132 milhões.
 

A companhia, que na venda para a Sonda teve assessoria da TozziniFreire Advogados, tem canais em todo o país e representa a maior operação da Autodesk na América Latina, segundo Pedro Antonio Silva, ex-sócio da empresa, que seguirá no comando do negócio.
 

A Pars também mantém parceria com a Adobe.
 

“Esta aquisição está inserida em nossa estratégia de regionalização e no fortalecimento da oferta de soluções de engenharia e design”, afirma Raúl Véjar, gerente geral da Sonda América Latina.
 

Segundo ele, a compra também potencializa um relacionamento de mais de dez anos da empresa com a Autodesk, que foi reforçado em 2010 com o acordo de parceria de negócios das empresas (CBP, do inglês Corporate Business Partner), que inclui diversos países da América Latina.
 

Já Luiz Carlos Felippe (Luca), membro do Conselho de Administração da Sonda América Latina e ex-presidente da Sonda IT do Brasil, o investimento no país se justifica por ser o maior mercado para a companhia em toda a região latino-americana.
 

A Sonda IT está no Brasil há 20 anos, contando hoje com seis mil colaboradores e mais de 1,2 mil clientes ativos distribuídos por 31 escritórios em todos os estados.
 

A corporação opera através de unidades de negócio para serviços de TI, plataformas e aplicativos, em uma estratégia que gosta de definir como “do data center ao BPO”, com especialização em projetos SAP.

Virtualização, cloud computing, armazenamento e segurança também fazem parte da oferta, por meio de parceiros como Cisco, EMC e VMWare.
 

No universo de aplicações fiscais, disponibilizadas pela unidade de aplicativos, a companhia oferece produtos e serviços complementares aos ERPs.
 

“Mais de 60% da carga tributária federal do Brasil é processada por nossos aplicativos, por meio de aproximadamente 650 grupos empresariais que utilizam a tecnologia”, afirma Luca.

Veja também

Sonda compra supermercados em SP

O Sonda Supermercados comprou duas pequenas redes varejistas em São Paulo, a Economax e Sim Supermercados, somando seis novas unidades ao seu portfólio de lojas.

Sonda compra Kaizen por R$ 12 mi

A chilena Sonda anunciou a compra da integradora de soluções de virtualização, cloud computing, armazenamento e segurança paulista Kaizen por R$ 12 milhões. O negócio adquirido também atua como fábrica de software CMMI nível 3.

O valor do negócio pode ser incrementado em até 37,5% em função dos resultados finais da empresa em 2010.  

Sonda compra Soft Team e cria Sonda Software

A Sonda IT acaba de comprar, por R$ 15 milhões, a Soft Team, até então uma subsidiária da Totvs que atuava com soluções de software para as áreas fiscal, tributária e de auditoria para empresas de grande porte.

A aquisição é parte do plano de investimento de US$ 500 milhões anunciado pelo Grupo Sonda IT para o período de 2010 a 2012 e marca o inicio da operação da Sonda Software, nova vertical de negócios da empresa no Brasil.

Sonda compra Telsinc por R$ 66 mi

A chilena Sonda comprou a paulista Telsinc, especialista em integração de soluções de comunicações, virtualização e segurança da informação por R$ 66 milhões nesta sexta-feira, 23.

A companhia adquirida, que no ano passado faturou R$ 108 milhões, mantém parceria com Cisco e Vmware e filiais em São Paulo, Porto Alegre, Vitória, Belo Horizonte e Brasília.

Sonda compra Red Colombia por US$ 13,6 mi
A chilena Sonda acaba de anunciar a aquisição da Red Colombia, maior empresa privada de TI da Colômbia, especializada em serviços de outsourcing, integração de sistemas e consultoria, além de principal implementadora das soluções SAP no país. O valor registrado para a aquisição foi de US$ 13,6 milhões.

“A compra aumentará nossa oferta de offshore para o mercado regional”, comenta Luiz Carlos Felippe, presidente da Sonda Procwork.
Sonda compra Procwork
A Sonda anunciou em seu site nesta quarta-feira, 27, a compra da paulista Procwork por R$ 230 milhões.

Presente em nove países da América Latina, a multinacional chilena é agora um dos maiores players do mercado de produtos SAP brasileiro, no qual a Procwork já atuava a 17 anos, com presença em sete estados e uma carteira de mais de 600 clientes e 3,5 mil colaboradores.

O faturamento previsto da Procwork para 2007 chega a R$ 350 milhões.