Rogério Negruni, diretor Comercial da Decision IT

Por meio de uma parceria com a gaúcha Decision IT, a portuguesa IT Peers acaba de chegar ao Brasil, por onde inicia seu plano de internacionalização na América Latina, com meta de obter cerca de 20% do faturamento geral por aqui já em 2012.

A companhia, que atende a mais de 200 clientes e em 2011 projeta faturar cerca de US$ 3 milhões, também projeta abrir, no médio prazo, uma filial brasileira.

Por hora, a Decision é o canal oficial, com meta de conquistar ao menos 10 projetos no primeiro ano da parceria, que foca gestão de mobilidade e de segurança de dados e deve responder por 30% dos negócios gerais, até agora centrados em TI para a área fiscal.

“Em termos de crescimento, nossa expectativa é alcançar uma taxa de 50% com a nova área de atuação, com a qual projetamos um faturamento de R$ 4 milhões para o primeiro ano”, conta Rogério Negruni, diretor Comercial da Decision IT.

A estratégia, segundo o executivo gaúcho, será focar o mercado de médias e grandes empresas, com faturamento a partir de R$ 250 milhões/ano.

A companhia porto-alegrense vai atuar na implantação, customização e suporte de primeiro e segundo nível para as soluções Datapeers e Multipeers em todo o Brasil.

Mercado obrigatório
Segundo o presidente da IT Peers, Jorge Duarte, a companhia até tem clientes em outro mercado latino-americano, a Venezuela, porém são projetos pontuais, e não alvos de expansão internacional.

Para ele, o Brasil é o mercado natural para a expansão nesta região, devido à proximidade cultural e idiomática com Portugal.

“Além disso, o forte crescimento econômico do Brasil, comparado à maioria dos países da Europa, torna-o um mercado praticamente obrigatório para uma empresa portuguesa de TI com ambição de crescer muito mais rapidamente do que o seu país de origem lhe permite”, destaca Duarte.

Atualmente, a IT Peers tem clientes também nos EUA, Reino Unido, França, Itália, Irlanda, Alemanha e Holanda, entre outros.

A parceira

Já a Decision IT atende a uma carteira de cerca de 30 ativos, incluindo nomes como as gaúchas Lojas Renner, TaQi,Benoit e as redes catarinenses Koerich e Angeloni, que utilizam suas soluções para a área fiscal, na qual a empresa já entregou mais de 1 mil projetos.

Focada em soluções e serviços para NF-e, SPED contábil e fiscal, entre outras rotinas ligadas ao fisco e afins, a companhia também oferece consultoria em áreas diversas, como comércio eletrônico, implementação de ERPs, recuperação de crédito, processamento de legado e outsourcing.

Em 2011, a meta é faturar em torno de 40% a mais do que os R$ 3 milhões registrados em 2010.

Lançamento

A chegada da IT Peers ao Brasil será anunciada oficialmente em um evento a ser realizado, em parceria com a Decision IT, na quinta-feira, 10, no Hotel Deville, em Porto Alegre, a partir das 13h30.