O sistema operacional Ubuntu Linux será a plataforma principal por trás dos serviços que a HP deve lançar em breve em clouc computing, informa o site Ars Technica.

Recentemente, informa o site, a HP abriu um programa beta privado para IaaS em nuvem que oferecerá capacidade computacional e de armazenamento, usando a plataforma open source OpenStack, desenhada para operar com múltiplos sistemas e plataformas de virtualização.

As opções incluem VMware, Hyper-V, Windows e Xen.

De acordo com o Ars, a HP trabalhará com toda a linha open source, com o KVM como hypervisor e o  Ubuntu no sistema operacional.

O compromisso com a Canonial – desenvolvedora do Ubuntu – não significa exclusividade.

Mesmo sendo o sistema de referência para o OpenStack, a HP não vai exigir o uso da plataforma. A empresa pode permitir que os clientes hospedem sistemas diferentes, como faz a concorrência.

Leia a matéria completa do Ars Technica (em inlgês) nos links relacionados abaixo.