A Canonical anuncia nesta quinta-feira, 13, a adoção do Ubuntu pela pré-candidata a Presidência da República, Dilma Roussef.

Além de rodar a toda a plataforma on-line de sua campanha rodará em software livre, a empresa afirma que Dilma utilizará o sistema operacional em seu computador pessoal.

Outras iniciativas do governo Lula também utilizam o sistema de código aberto, afirma a Canonical citando o Serpro, que começou a distribuir para os telecentros atendidos pelo Programa Serpro de inclusão digital uma versão simplificada do Ubuntu.

Atualização
A Canonical lançou recentemente o Ubuntu 10.4, versão do sistema operacional que traz diversos recursos de Cloud Computing, três anos de suporte e atualizações gratuitas de segurança e manutenção.

O Ubuntu 10.4 também oferece uma loja on-line de músicas, integração com as principais redes sociais, sistema automatizado de busca e gerenciamento de softwares e ferramentas para o uso em ambiente corporativo. O sistema está disponível no link relacionado abaixo.