Radamés Brum e Fernando Rodrigues Magri

A Softway, especializada em software de gestão para importação e exportação, espera crescer a operação em Porto Alegre em 70% ao longo de 2012.

 
Liderado por Radamés Brum, ex-Qualitá, o escritório local foi aberto no primeiro semestre do ano, e tem um pipeline de 10 clientes.
 
A Softway já atende a grandes organizações no estado como AGCO, Mundial e John Deere.
 
Além de Porto Alegre, a empresa começou a operar este ano também em Curitiba. Juntas, as duas cidades devem obter R$ 5 milhões em novas vendas para 2012.
 
É um ritmo acelerado frente aos resultados nacionais da empresa, que em 2010 cresceu 12,5%, atingindo R$ 45 milhões, e mesmo frente à expectativa de 20% para 2011.
 
“Os três estados da região estão entre os 10 maiores exportadores. Queremos mostrar aos empresários que o controle informatizado do comércio exterior traz valor agregado”, aponta Fernando Rodrigues Magri, gerente de inteligência competitiva e relacionamento com o mercado da Softway.