A Autodesk concedeu ao Senai-Blumenau 25 licenças educacionais do software Autodesk Inventor Professional por meio da fabricante de bombas Netzsch do Brasil, dentro do programa Invest in Education.

Pertencente ao grupo alemão Erich Netzsch Holding, a Netzch é a segunda empresa a participar do programa no Brasil, depois da Fundação Mario Dedini no ano passado.

O objetivo do programa é estreitar a relação dos clientes da empresa com instituições de ensino, além de oferecer suporte ao desenvolvimento da indústria e comunidades locais.

“Analisamos a relação pré-existente de nossos clientes com a área acadêmica, assim como os trabalhos que a empresa desenvolve com a comunidade local”, comenta Acir Marteleto, diretor geral da Autodesk do Brasil.  

Treinamento
A contemplação da Netzsch do Brasil ainda foi enriquecida com uma parceria para treinamento dos professores do Senai-Blumenau, que será feito pela Virtual Automação, Revendedor e Centro Autorizado de Treinamento Autodesk, sediado em Joinville.

A equipe da Virtual Automação irá prover a capacitação do corpo docente do Senai-Blumenau para o uso do Autodesk Inventor Professional como tecnologia de suporte às disciplinas da área de mecânica, além de oferecer treinamento em simulação dinâmica e consultoria aos professores.