A Intel e o Google trabalharão juntos para otimizar futuras versões do Android para a família de processadores de baixo consumo Intel Atom.

Na prática, isso significa que as futuras versões da plataforma terão suporte na tecnologia Intel.

Além disso, o tempo para o lançamento no mercado de smartphones baseados na tecnologia Intel rodando a plataforma Android deverá ser acelerado.

“Juntas, estamos acelerando a arquitetura Intel e levando novos níveis de inovação para a plataforma Android”, declarou o Presidente e CEO da Intel, Paul Otellini.

De acordo com a empresa, o trabalho permitirá que OEMs e operadores aproveitem as capacidades de desempenho e baixo consumo da arquitetura Intel e a escala do ecossistema x86 para desenvolvedores.

O anúncio aproveita as recentes iniciativas conjuntas das duas empresas para habilitar a arquitetura Intel nos produtos do Google, que incluem o SO Chrome, Google TV, o Kit para Desenvolvimento de Software (SDK) e o Kit para Desenvolvimento Nativo (NDK) para Android.