A brasileira Cast Informática quer internacionalizar.

Especializada em serviços de tecnologia da informação (TI), a empresa traçou um plano de expansão para os próximos três anos que prevê aquisições e abertura de unidades no país e no exterior.

Segundo o jornal Valor Econômico, a companhia já investiu R$ 10 milhões em recursos próprios na instalação de uma subsidiária nos Estados Unidos.

Além disso, a companhia negocia financiamentos com bancos para levar adiante um projeto de investimento de R$ 60 milhões.

Hoje, a Cast compete em um mercado que faturou R$ 21,1 bilhões no Brasil no ano passado e cresceu 9%, segundo dados da IDC.

Neste ano, o mercado crescerá dois dígitos, segundo a consultoria.

“Precisamos crescer três vezes mais que o mercado para nos tornarmos uma das cinco maiores até 2013”, diz José Calazans da Rocha, presidente e fundador da Cast.

Na década de 2000, a empresa cresceu de 14% a 18% ao ano. Para o período de 2011 a 2013, o plano é expandir as vendas em 30% ao ano.

Além disso, a empresa, que encerrou 2010 com uma receita líquida de R$ 144 milhões, também quer acelerar seu processo de crescimento, para se tornar, até 2013, uma das cinco maiores empresas de serviços de TI no país.

Leia a matéria completa do Valor Econômico (para assinantes) nos links relacionados abaixo.