Menotti Antonio Franceschini Neto, diretor executivo da Softway

Tamanho da fonte: -A+A

A Softway, empresa de Campinas especializada em software para o mercado de comércio exterior, inaugura nesta terça-feira, 15, a primeira filial internacional, em Buenos Aires.

Conforme Menotti Antonio Franceschini Neto, diretor executivo da Softway, há mais de 1,5 mil potenciais clientes já mapeados no país, além de multinacionais que operam no Brasil e necessitam que as operações de outros países utilizem as mesmas ferramentas.

“Atuamos na Argentina há 12 anos, atendendo pela sede do Brasil, e, com a entrada no mercado argentino de forma física, inicialmente o objetivo é de que até 2015 tenhamos 7% do faturamento global vindo de lá, representando aproximadamente 100 novos clientes”, afirma Franceschini Neto.

A estrutura será composta por um escritório operacional de 300m², localizado na Plaza de Mayo, região central da capital portenha.

De início, 20 pessoas formam a equipe da filial, mas a expectativa é aumentar o número até o final do ano.

Atualmente, a empresa atende a clientes no país como Goodyear, Honda, GM, HP e Odebrecht, entre outros.
 
De acordo com o estudo sobre o panorama de inserção internacional da América Latina e Caribe realizado pela Cepal, em 2010 as exportações na região cresceram 21,4%.

“Neste cenário, a Argentina incrementou sua participação principalmente pela venda de matérias primas e estima-se que continue neste ritmo de crescimento em 2011”, afirma o diretor da Softway, apostando no novo mercado.

As soluções da companhia campinense contam com recursos para operação, controle e gerenciamento de diversos segmentos do mercado de comércio exterior, como importação, exportação, câmbio, controle e gerência de regimes aduaneiros especiais propostos pela Receita Federal e ferramentas para classificação fiscal, tecnologia móvel e BI.