Jogadores de rúgbi praticam o Scrum

Tamanho da fonte: -A+A

A Dextra Sistemas obteve a primeira ata de registro de preços viabilizando projetos de software para órgãos públicos com a linguagem Java, metodologia Scrum e métricas em Pontos de Função (ciclo completo).

A ata foi publicada no Diário Oficial no final de maio e obtida a partir de uma licitação de um edital público via pregão eletrônico da Força Aérea Brasileira.

Com o instrumento, órgãos da administração pública em todas as esferas e modalidades, incluindo autarquias, fundações, fundos especiais, sociedades de economia mista e demais entidades controladas, direta ou indiretamente, pela União, podem comprar projetos do tipo diretamente da Dextra, sem licitação.

Fundada em 1995 por três ex-alunos da Unicamp, a Dextra totalizou em abril 100 mil horas de desenvolvimento de software com a metodologia ágil e 1 milhão de horas no modelo RUP.