Mineira Jiva abre franquia em Cascavel

15/06/2011 11:52

A mineira Jiva, especializada em soluções de gestão empresarial para pequenas empresas, abriu uma franquia em Cascavel-PR.

A unidade é uma das apostas da companhia para alcançar a meta de incrementar a carteira de clientes em mais de 200 contas nos próximos cinco anos.

Tamanho da fonte: -A+A

A mineira Jiva, especializada em soluções de gestão empresarial para pequenas empresas, abriu uma franquia em Cascavel-PR.

A unidade é uma das apostas da companhia para alcançar a meta de incrementar a carteira de clientes em mais de 200 contas nos próximos cinco anos.

Para isso, a franquia cascavelense será responsável pelo atendimento não só à cidade, mas também a outros municípios do oeste paranaense, como Foz do Iguaçu, Toledo, Campo Mourão e Assis Chateaubriand, entre outros.

Segundo estudo realizado pela Jiva em parceria com um investidor local – junto ao qual foi aberta a nova franquia – a região abrange mais de 30 mil empresas que são potenciais clientes para as soluções da companhia.

Conforme Marcos Santa Cecília, consultor de franquias da Jiva, a abertura da operação foca diversos setores, mas tem olho vivo no varejo.

“Além de ter um grande pólo tecnológico, Cascavel e região contam com um forte setor varejista, com muitas pequenas empresas que são potenciais usuárias de nossas soluções”, afirma o executivo.

O consultor não revela o nome do parceiro local, mas afirma que possui “amplo conhecimento do mercado regional e experiência na área de TI”, com mais de 13 anos de atuação com revenda de tecnologia na cidade.

Além disso, conforme Santa Cecília, o investidor conta com uma ampla rede de contatos e uma carteira de clientes estabelecida.

“É uma parceria que tem tudo para ter sucesso”, aposta o consultor.

Sediada em Uberlândia, a Jiva atua em todo o Brasil por meio de uma rede de franqueados.

No total, a empresa conta com 150 funcionários e mais de 500 clientes em diversos estados.

Além de ERP, o portfólio da companhia também conta com serviços de acompanhamento de processos nas PMEs, aplicação de conceitos de administração e de evolução da gestão com o sistema, bem como help desk.

A empresa mantém, ainda, a Universidade Jiva, focada no desenvolvimento de competências e atualizações de conhecimentos tanto para colaboradores quanto para clientes.

Sul na mira
A abertura em Cascavel faz parte dos planos anunciados em julho de 2010 pela companhia de Uberlândia para expandir sua rede de franquias das então 20 unidades para 60 até o fim de 2012.

A estratégia focava as regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste, considerados pela companhia mercados em constante crescimento, especialmente no setor que a empresa pretende atingir: clientes de varejo e distribuição com faturamento mensal entre R$ 100 mil e R$ 500 mil.

Para atuar como franquia da Jiva, os interessados precisam investir aproximadamente R$ 80 mil, entre taxa de adesão e custos com a instalação da unidade, mais cerca de R$ 70 mil para capital de giro.

Outra exigência é a dedicação integral ao negócio Jiva.

Conforme divulgado pela companhia mineira, a previsão de retorno sobre o investimento é de até 24 meses, com um mix entre receita proveniente de venda de licença de uso e receita recorrente mensal de serviços.

Veja também

Jiva quer triplicar franquias. Sul na mira

A Jiva, empresa de Uberlândia especializada em soluções de gestão para micro e pequenas empresas, lança um plano para expandir sua rede de atuais 20 franquias para 60 até o final de 2012. No foco, estão as regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste.

JME: franquias em foco

A JME Informática, de Porto Alegre, realiza da terça-feira, 24, à sexta, 27, paralelamente ao Hospitalar 2011, a segunda edição do JME em Foco, evento voltado às franquias da empresa.

O evento ocorrerá das 8h30 às 11h30, na sala de reuniões do Novotel Ibirapuera (Rua Sena Madureira, 1355, Bloco 2, Ibirapuera), em São Paulo.

Cresce número de microfranquia no BR

O surgimento de microfranquias está aumentando no país e pode multiplicar as oportunidades para os investidores de pequeno porte, é o que informa o site Exame.com.

As franquias de baixo investimento, como são definidas pelo Sebrae, demandam investimentos de até R$ 50 mil.

Hoje, 80 companhias brasileiras possuem mais de 2 mil franqueados entre os 27 estados do país.

Conforme a Exame, essas empresas representam quase 5% do total de franqueadores nacionais.

Creditaria quer 14 novas franquias no Brasil

Em seu segundo ano de atividades no Brasil, a Creditaria, empresa espanhola de broker de crédito, aposta em expansão no país.

Atualmente com 11 unidades, a previsão é chegar ao fim de 2011 com 25 franquias locais.

A expansão por franchising também deverá atingir outros países da América Latina, como Colômbia e Peru. Hoje, a companhia já atende no Chile e México.

Mundo Verde: 185 franquias no MicrovixERP

A Mundo Verde, rede de produtos naturais que é a maior franquia do setor na América Latina, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), adotou o ERP da joinvilense Microvix em suas 185 lojas, além do BI da mesma fornecedora para sua franqueadora.

Franquia de compras coletivas

O site de compras coletivas Ótima Oferta acaba de inaugurar uma nova modalidade de negócios no aquecido segmento: a expansão por franquias.

Fundado há duas semanas, o portal criado pela agência digital especializada em e-commerce Vibe inaugura nesta segunda-feira, 24, sua primeira franquia, em Belo Horizonte.

Pelo sistema, a franqueada fica responsável pela  divulgação, marketing e busca de clientes. O franqueador oferece o fluxograma de compras e financeiro, em troca de 10% de royalties.

Franquia da Catho adota marca própria no RS

A franquia gaúcha da Catho começou a atuar com marca própria em setembro.

De acordo com a empresa, agora chamada Advis Crescimento Inteligente, um banco de dados de currículos deve ser lançado até o final do mês, com o objetivo de fazer da companhia a maior do ramo de consultoria de RH no Sul.

O novo negócio integra ainda a  Dinâmica Pessoas, empresa de Santa Maria com atuação em consultoria e desenvolvimento de sistemas web para RH.

Interact abre franquia em Santa Catarina

A Interact Solutions, de Lajeado, acaba de abrir uma nova franquia: a Interact Santa Catarina, localizada em Florianópolis.

A unidade atua com todo o portfólio de soluções da companhia gaúcha, além de serviços de gerenciamento, implantação e acompanhamento de projetos.

A nova franquia é comandada pelos diretores Anderson Cristiano Pereira e Roberto de Almeida Meister, apoiados por executivos locais de Contas e Projetos.

NCC quer franquias de call center

A NetCallCenter (NCC) vai se lançar na franquia de call centers com o software Orbium.

Durante a 20ª edição da ABF Franchising Expo 2011, em São Paulo, a empresa buscará parcerias. O foco será a identificação e contato com potenciais franqueados da companhia.

A proposta é distribuir, regionalizar e personalizar chamados a centrais de atendimento, por meio do software Orbium.

Paraná quer disputar Foxconn com São Paulo

O governo do Paraná pretende entrar na disputa para atrair o investimento da Foxconn, informa o jornal Valor Econômico dessa quarta-feira, 11.

“Ainda não vi o anúncio da empresa sobre o local escolhido e vamos nos apresentar”, disse ao jornal o secretário da Indústria, do Comércio e Assuntos do Mercosul, Ricardo Barros.

Paraná puxa alta da Simpress, com 52%

A Simpress, provedora de soluções de impressão e gestão de documentos, encerrou 2010 com crescimento de aproximadamente 12% em relação ao ano anterior, com faturamento de R$ 330 milhões e aumento de 17% na receita de serviço.

No ano, só a unidade do Paraná cresceu 52%, sendo a de maior alta para a empresa, em função de novos contratos.

Mega: unidade em Minas, canal no Paraná

A Mega Sistemas Corporativos, de Itu, acaba de inaugurar uma nova unidade em Belo Horizonte e fechar parceria com um novo canal em Londrina.

A regional mineira é, segundo Rodolfo Nascimento, gerente de Marketing e Alianças da Mega, uma das apostas da empresa para crescer em 2011.

Simpress vai com tudo no Paraná

A Simpress, provedora de soluções de impressão e gestão de documentos, mudou o endereço de sua filial Paraná, segunda mais representativa no faturamento da companhia.

No primeiro semestre de 2010, a filial de Curitiba obteve ampliação de receita de 48%, atrás apenas de Minas Gerais, que cresceu 155%.

A filial, que atende a clientes como Renault do Brasil, Batavo, PUC-PR, Electrolux e Philip Morris, emprega mais de 70 colaboradores.

Netwall: 9 novos clientes no Paraná

A porto-alegrense Netwall assinou contrato com nove empresas paranaenses, agora usuárias de seu software MonitoraIT, focado no gerenciamento de processos de TI.

A solução permite gerir a estabilidade dos recursos de TI de uma empresa, permitindo a prevenção e correção de eventuais problemas.

O programa pode ser customizado conforme as necessidades de cada cliente e é uma das apostas da companhia gaúcha para crescer 110% até o fim deste ano.

Paraná marca presença no Gartner ITxpo

Um grupo de seis empresas vai representar a TI do Paraná no vigésimo Gartner Symposium ITxpo, que acontece entre 17 e 21 de outubro em Orlando, EUA, com projeção de reunir mais de seis mil empresários de todo o mundo, entre fornecedores e consumidores de tecnologia.

Paraná isenta pequenos provedores de ICMS

O governo do Paraná isentou os pequenos provedores de Internet do estado do pagamento de ICMS. A medida, confirmada em decreto assinado pelo gorvernador Orlando Pessuti na terça-feira, 10, tem como objetivo baixar o preço da oferta de banda larga ao consumidor final, expandindo o uso do serviço por meio de fibra ótica da rede elétrica.

Paraná lidera em inscrições no MPE Brasil

O Paraná é o estado com o maior número de inscritos no MPE Brasil 2010 – Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas, criado para reconhecer empresas que mais se destacam em quesitos como qualidade da gestão e capacidade empreendedora.