O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, acessou pela primeira vez na quinta-feira, 14, de seu gabinete, o sistema de monitoramento de projetos batizado de “Sala de Gestão”.

A solução, baseada em um projeto do governo de Pernambuco e desenvolvido com consultoria FGV, é uma sala montada no porão do palácio e dotada de quatro telões, integrados a uma rede que permite acompanhar via web os principais projetos do governo.

Assim, o governador poderá, a partir de seu computador, conferir o andamento de projetos estratégicos diversos, todos com indicadores semelhantes a um semáforo: sinais em verde, amarelo e vermelho indicarão com vai a execução de cada iniciativa.

No primeiro acesso ao sistema, Genro conferiu o andamento das obras da RS-118 e da reforma do Parque de Exposições Assis Brasil.

No estado, o modelo ainda está em fase experimental, mas a meta é que o uso seja oficializado nas próximas semanas.

Quando isso acontecer, não só o governador, mas todos os secretários do estado, terão acesso à Sala de Gestão.