A Ci&T, especializada em outsourcing de TI, registrou um crescimento de 30% em 2009. A companhia, que foi impulsionada por serviços de BI e projetos SAP, projeta para este ano uma expansão ainda maior, com faturamento acima dos R$ 100 milhões.

De acordo com Cesar Gon, presidente da Ci&T, em 2009 a companhia ampliou a carteira em mais de 20 clientes de grande porte, que apostaram no modelo de serviços baseado em Lean IT.

Para este ano, a meta é passar dos R$ 100 milhões, contando com a manutenção do dólar em “um bom patamar”, já que a empresa pretende manter forte atuação nos EUA e Japão, além do que, as exportações deverão continuar a representar 40% dos negócios da Ci&T.

A oferta da Ci&T, que é CMMI5, abrange desenvolvimento e outsourcing de aplicações, BPM, SAP, BI, governança de TI e engenharia de valor. A empresa mantém centros de competência em Campinas, Belo Horizonte e Ningbo (China), além de unidades de negócio em São Paulo, Rio de Janeiro, Vitória, Filadélfia, Londres e Tóquio.

A carteira de clientes conta com nomes como BM&F, Citibank, Coca-Cola, Google, Dow Jones, Editora Abril, Embraer, Johnson & Johnson, Odebrecht e Petrobras, entre outros.