A Algar Tecnologia adquiriu a fábrica de software mineira Synos Technologies, em uma transação de valor não informado.

Conforme o presidente da Algar, José Antônio Fechio, a sinergia entre os dois negócios deverá levar a companhia a um crescimento de 30% este ano, informa o ComputerWorld.

Em 2009, a empresa faturou R$ 270 milhões, expansão de 22% sobre 2008.

A Synos é especializada em desenvolvimento e integração de software, o que deverá complementar o portfólio da compradora, além de fortalecer sua presença em Belo Horizonte, São Paulo e Brasília, onde a empresa adquirida já possui negócios consolidados.

Só Belo Horizonte, por exemplo, responde hoje por 80% dos negócios da Synos, segundo o sócio da companhia Nelson Serranegra.

A aquisição também deverá auxiliar na expansão da Algar para mercados como Rio de Janeiro, Curitiba, Baixada Santista, Goiás e interior de São Paulo, regiões que, conforme os executivos da compradora, concentram 70% do mercado consumidor de telecom.

O Grupo Algar atua em quatro segmentos: agropecuário; serviços; turismo e telecomunicações/TI. O foco para 2010 é crescer nos segmentos de telecom e TI, com meta de ampliar o faturamento destas áreas em 15%.

Para isso, Fechio declarou ao ComputerWorld a intenção de realizar este ano investimentos 20% acima do valor de R$ 350 milhões investido em 2009.

Parte desses recursos será destinada a expandir a rede metropolitana de telecomunicações em capitais e no interior de São Paulo (para clientes corporativos) e na área original da Algar Telecom, que cobre o Triângulo Mineiro e parte do interior de São Paulo (para usuários finais).

Atualmente, a empresa tem 300 km de fibra óptica em São Paulo, 150 km no Rio de Janeiro e 100 km em Belo Horizonte.

Com a aquisição da Synos, a Algar Tecnologia passa a contar com 200 clientes (40 deles oriundos da fábrica de software) e já deu início ao processo de contratação de 200 novos funcionários.

Há posições em aberto nas áreas de desenvolvedor Java e .Net, gerente de projetos e analista, tudo para os escritórios de Belo Horizonte, Brasília e São Paulo.