A Paradigma, catarinense especialista em soluções de processos e relacionamentos eletrônicos, anuncia Luiz Alberto Galafassi como diretor de sua nova unidade de negócios, focada em Procurement, Sourcing e Sales.

A divisão é voltada ao atendimento das relações de negócio da cadeia de valor de empresas e governo.

O executivo atua na empresa desde sua fundação, há 12 anos, tendo ocupado vários cargos, entre os quais gerente da Regional Sul.

Antes da Paradigma, Galafassi atuou no desenvolvimento de projetos de tecnologia em empresas como Perdigão, Cecrisa, Docol, Sabesp e outras.

Conforme Galafassi, sua nova nomeação faz parte da estratégia para alavancar um novo plano de negócios, implementado para levar a companhia a um crescimento de pelo menos dez vezes até 2015.

“Nesta nova fase, focamos o trabalho em operações comerciais e operacionais verticalizadas, com intuito de conquistar novos clientes e garantir melhor atendimento dentro de cada segmento em que atuamos”, explica o novo diretor.

Já para a presidente da empresa, Andréa Boudeville, apostar em talentos de dentro da própria empresa é uma das estratégias mais fortes para incrementar o plano de expansão.

“Promovendo profissionais desenvolvidos dentro da empresa, com no mínimo oito anos de casa, acreditamos que teremos o melhor em modelo de gestão, talentos, comprometimento, foco e garra”, declara ela.

Sediada em Florianópolis e com unidade em São Paulo, a Paradigma atende a projetos de negociação e relacionamentos eletrônicos para os setores público e privado, com foco nos segmentos de energia, governo (federal, estaduais e municipais) e empresas da cadeia de valor.

A companhia possui, ainda, atuação no mercado de capitais brasileiro, atendendo a projetos para a BM&F Bovespa.

O carro chefe do portfólio é a plataforma Paradigma WBC - Web Business Center, que contempla 14 modalidades transacionais para compras e vendas eletrônicas, além de módulos para gestão de usuários, de catálogos de produtos e de cadastro de empresas parceiras de negócio (clientes e/ou fornecedores).

Completam a plataforma módulos de BI, workflow de processos, gestor de portal e de conteúdo, ferramentas de busca e de pesquisa dirigida, solução de integração com legados (A2A), ou parceiros (EAI).

A empresa catarinense desenvolve também aplicativos e presta serviços apoiados em tecnologias como web services e mobile.

Em dez anos de mercado, a Paradigma acumula mais de 150 projetos atendidos e 25 premiações recebidas no Brasil e exterior.