A IBM Brasil anuncia sua primeira nuvem pública corporativa no país e passa a disponibilizar, em uma única plataforma, os benefícios da cloud pública e privada.

Investimento de R$ 40 milhões, o novo IBM SmartCloud Enterprise (SCE) é voltado a empresas de todos os portes e promete agilidade na disponibilidade de novos ambientes de TI, economia de custos,  escalabilidade de um ambiente compartilhado e virtualizado de TI.

O formato de pagamento será flexível, com preços a partir de R$ 0,13 por hora de uso.

Segundo a Big Blue, a tecnologia reduz o tempo de execução de tarefas de desenvolvimento de aplicativos de dias para minutos por meio da automação e rápida disponibilização de ambientes virtuais, permitindo que os usuários economizem mais de 30% em custos.

“Estamos investindo para preparar o Data Center de Hortolândia para as ofertas dos serviços da SmartCloud Enterprise + (SCE+), que é uma infraestrutura de Cloud Privada”, afirma José Luis Spagnuolo, diretor de Cloud Computing da IBM Brasil.

De acordo com Spagnuolo, com esses serviços a IBM pretende alavancar também seu portfólio de Outsourcing baseado em Cloud Computing.

A solução será disponibilizada no modelo de Infrastructure-as-a-Service (IaaS) e Plataform-as-a-Service (Paas).

A Cloud Pública IBM SmartCloud Enterprise (SCE) compõe o portfólio de soluções IBM de computaçao em nuvem e será totalmente comercializada pelo web site da IBM Brasil.

De acordo com dados da IDC, o mercado brasileiro de Cloud Pública crescerá quase sete vezes até 2014. Atualmente, 18% das médias e grandes empresas do país já utilizam alguma aplicação de computação em nuvem - até 2013, esta fatia deverá saltar para 30% a 35%.