A MGI e a Mobiltec lançam um serviço para gerenciamento do parque de dispositivos móveis de clientes corporativos.

A novidade consumiu investimento de R$ 800 mil, realizado pelas duas companhias nos últimos dois anos, e disponibiliza as mesmas funcionalidades para as plataformas iPhone e Android, segundo Roni Silveira, diretor da Mobiltec.

O serviço de MDM (Mobile Device Management) utiliza o software M3-MDM, da Mobiltec, para oferecer às empresas funções de monitoramento, controle e gestão sobre PDAs, laptops ou smartphones.

Com a novidade, as companhias podem acompanhar e controlar, via Internet, em tempo real, a utilização dos dispositivos pelos funcionários.

"Com o M3-MDM, é possível impedir a execução e eliminar da memória programas ou arquivos de dados não autorizados, prover suporte remoto e acompanhar os programas e processos em execução em cada dispositivo, além de gerenciar bateria, memória, entre outros", explica Silveira.

Além disso, conforme o executivo, os usuários não precisam ir até o local de trabalho para atualizar o aplicativo que roda no dispositivo, pois o serviço transmite e instala remotamente novas versões ou novos programas a serem utilizados.

O MDM também permite rastrear o roteiro percorrido ou a localização dos dispositivos e enviar, se preciso, comandos para apagar dados de dispositivos extraviados ou roubados.

O grupo MGI tem sede em São Paulo e atua, via direto ou por meio de ISVs, em mais de 2 mil projetos de mobilidade, atualmente, tendo comercializado, até hoje, mais de 100 mil PDAs.

Já a Mobiltec, com unidades em São Paulo e Porto Alegre, é especializada no desenvolvimento e oferta de software de mediação (mobile middleware) para aplicações empresariais. A companhia também atua no gerenciamento da distribuição de arquivos entre equipamentos móveis ou fixos e servidores.