Carlos Augusto de Matos, diretor da Softplan/Poligraph para a Indústria da Construção

Uma reestruturação no canal de vendas indiretas elevou de 30% para 90% a participação desta frente de negócios nas vendas do Sienge, ERP da catarinense Softplan/Poligraph para o setor de construção civil.

Hoje, são 18 os parceiros certificados para venda e implantação do software, mas até o início de 2011 a meta é acrescentar pelo menos dois novos representantes à lista.

"O Sienge conquistou, em 2010, cerca de 300 clientes, somando uma carteira total de 1,2 mil. Esta base de clientes qualifica o ERP como líder de mercado em seu segmento no país", afirma Bruno Loreto Cândido, responsável pela Gestão de Canais da companhia catarinense. "Para 2011, com o reforço do programa de canais, nosso plano é ampliar a base em mais 35%", complementa.

Conforme o executivo, a reestruturação do programa de representantes começou por reorganizar as equipes internas, envolvendo mais pessoas no atendimento aos parceiros.

Além disso, foi montada uma equipe específica para coordenar o relacionamento com os representantes, identificando dificuldades, coordenando ações, monitorando desempenhos, entre outras ações.

"Esse trabalho fez com que dobrássemos o número de consultores e colaboradores envolvidos no processo de comercialização e implantação do sistema, rompendo a barreira de 70 pessoas vinculadas aos canais Sienge em todo o Brasil”, destaca Carlos Augusto de Matos, diretor da Softplan/Poligraph para a Indústria da Construção.

 A reestruturação contou, ainda, com uma redefinição do perfil das empresas buscadas como novos canais. A seleção passou a ser mais criteriosa, de acordo com a necessidade de cada região.

Após essas mudanças, novos estados foram incorporados à rede de parceiros, como Pernambuco, Maranhão e Espírito Santo.

"Além disso, um novo canal foi selecionado em Minas Gerais. Hoje, temos representantes em 17 estados e no Distrito Federal, além de clientes do Sienge em todos os locais, mas os maiores mercados para o ERP são, em ordem, São Paulo, Rio Grande do Sul e Santa Catarina", ressalta Cândido.

Agora, conforme o executivo, o foco dos canais Sienge são cidades com mais de 500 mil habitantes, principalmente as que de alguma forma estão envolvidas com a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

Com o impulso da nova estratégia e dos resultados já obtidos, a Softplan/Poligrah estima um crescimento em torno de 50% para 2010. A companhia, sediada em Florianópolis, mantém uma equipe de 650 funcionários.

O Sienge
O ERP catarinense para construção civil permite a padronização de processos deste setor, o que, segundo Cândido, estabelece rotinas e evita retrabalhos e erros, reduzindo custos operacionais de empreiteiras, construtoras e empresas afins.

A solução, 100% web, é composta por dez módulos integrados: Engenharia, Comercial, Financeiro, Suprimentos, Administrativo, Suporte à Decisão, Portais, Contabilidade/Fiscal, Gestão de Qualidade e Gestão de Ativos.