http://www.flickr.com/photos/ph0t0s/64157471/sizes/l/

Os orçamentos de TI deverão incluir entre 3% e 6% menos investimentos na área de segurança da informação em 2011. A informação é do Gartner, que indica que a queda deve ser ainda maior no caso de empresas que fizeram atualizações recentes em sistemas deste segmento.

Conforme a avaliação do Gartner, a queda nos investimentos em segurança está relacionada ao reaquecimento da economia, já que, durante a crise, este foi um dos únicos segmentos em que as empresas seguiram investindo.

Com a volta da estabilidade, a tendência é que as corporações voltem a comprar soluções focadas no suporte ao crescimento de seus negócios.

Ainda em segurança da informação, a análise da consultoria indica que as soluções de gerenciamento de identidade e de acesso devem ser prioridade de investimento, com 20% da preferência.

Já 40% das companhias ficam divididas entre cinco prioridades: sistemas de prevenção de intrusos, gerenciamento de correções de segurança, prevenção de perda de dados, antivírus e gerenciamento de identidade.