A Atos, especializada em serviços de TI, encerrou o terceiro trimestre fiscal de 2011 com ligeira queda em relação ao mesmo período do ano passado: a receita caiu 0,3%, ficando em € 2,09 bilhões.

AL lidera
A América Latina foi a região de maior incremento para os resultados da companhia, com aumento de 15,8% na receita, impulsionada por contratos de serviços gerenciados e de HTTS, especialmente no setor de transporte.

Primeiros resultados pós compra
Conforme o balanço oficial divulgado pela companhia, o resultado foi influenciado pela aquisição da Siemens IT Solutions and Services, concluída em julho por € 850 milhões.

“No ambiente econômico, o grupo gerou 74% da receita anual, por meio de contratos plurianuais e aumento na base de clientes”, afirma Thierry Breton, presidente e CEO da companhia.

Mais time
Também no 3T11, a Atos ampliou a equipe com a contratação de 2.553 colaboradores.

Agora, o time total da empresa fica em 74 mil funcionários.

Projeção
Para o ano de 2011, Breton divulga que a companhia projeta uma receita próxima de € 6,8 bilhões e margem operacional de 6,2%.