A multinacional espanhola Indra acaba de conquistar a certificação CMMI nível 5. 

 
A avaliação foi realizada sobre o desenvolvimento do IGEA (Geographic Enterprise Application), um sistema de informação geográfica (GIS) usado por 30 clientes em todo o mundo.
 
Só outras quatro companhias conseguiram o máximo nível de CMMI na Espanha, onde hoje 220 organizações estão avaliadas em algum nível do CMMI. 
 
A Indra teve receita de 2,5 bilhões de euros em 2010, 40% deles através de suas filiais internacionais, que incluem uma operação no Brasil. 
 
Indra no Brasil
A Indra anunciou a compra da Politec através da sua subsidiária brasileira em julho, em um negócioo de R$ 219,5 milhões, somado de um aporte de capital de R$ 100 milhões no negócio.
 
Com a compra, a Indra aumentou muito o tamanho da sua operação no país. A subsidiária da espanhola faturou R$ 157 milhões em 2010, contra R$ 400 mihões da Politec, que tem 5 mil funcionários no país, contra 1 mil da Indra.
 
O Brasil é o segundo mercado nacional para a Indra (10% das vendas), tornando a América Latina (22%) o primeiro mercado regional na atividade internacional.
 
Hoje, a multi espanhola tem escritórios no país no Rio de Janeiro, São Paulo (sede central), Barueri, Campinas (fábrica de software), Belo Horizonte e Brasília.