O serviço de cloud computing da Microsoft – o Azure – está passando por um período de testes gratuitos.

A empresa oferece até 750 horas de uso da solução como atrativo para testes da nuvem.

“Esse teste permitirá aos desenvolvedores testar a plataforma Windows Azure, sem a necessidade de altos investimentos”, diz a empresa, em seu blog oficial.

Durante o teste, usuários poderão optar por 750 horas do serviço Extra Small Compute Instance ou 25 horas do serviço Small Compute Instance.

O primeiro oferece o equivalente a um processador de 1 GHz com 768 MB de memória, que normalmente custaria US$ 0,05 por hora. O segundo oferece um processador de 1,6 GHz, 1,75 GB de memória e normalmente custaria US$ 0,12 por hora.

Os usuários terão 500MB de armazenamento e receberão 90 dias de utilização, além de 1 GB de armazenamento no banco de dados Web Edition SQL Azure.

A oferta gratuita da Microsoft estará disponível até o final de junho. Depois disso, caso os clientes queiram continuar com o serviço, o valor será cobrado normalmente.